Bueno Brandão – 1º dia Mirante e Cristo

Por Marcos em 20 de maio de 2017

Estivemos em Bueno Brandão, cidade conhecida pelas suas mais de 60 cachoeiras, mas Bueno não é só cachoeira…

Bueno Brandão é uma pequena cidade no sul de Minas Gerais, para quem está em São Paulo capital é perto, mais ou menos uns 150 km. Mas se você mora em qualquer outra localidade do Brasil vale muito a pena uma visita. Tem uma boa estrutura hoteleira, embora nossa experiência não pode ser chamada de excelente. O post do hotel vai estar na aba hospedagem.

As estradas para chegar em Bueno Brandão são boas enquanto no estado é São Paulo. Em Minas a conversa muda.  Estrada ruim, cheia de buracos e carente de placas, mas passando este obstáculo o que você vai encontrar faz esquecer pelo que passou.

Mais conhecida como cidade das cachoeiras Bueno é muito mais que isto. Tanto que nos dois primeiros dias não fomos em nenhuma. Primeiro fomos encontrar um hotel para ficar, devidamente hospedados saímos para conhecer a cidade.

Nossa primeira parada foi na matriz de Bueno Brandão, Igreja Bom Jesus da Pedra Fria. Lá conhecemos uma moça de nome Vanderléia que nos contou muita história da cidade e porque do nome da igreja. Igreja linda, imponente e no alto, típico de cidade do interior.

Conta a lenda que um religioso que acompanhava uma comitiva de bandeirantes que estavam atravessando a região sentiu-se muito mal, pois já vinha com febre. Como seu corpo estava muito quente ele, ao avistar uma pedra, resolveu tirar a roupa e abraçar esta pedra. Neste momento ele sentiu o corpo refrescar e resolveu deixar uma imagem do Bom Jesus nesta pedra, em agradecimento a cura que teve. Por este motivo, embora poucas pessoas saibam, o primeiro nome da cidade foi Campo Místico, tendo depois de sua emancipação assumido o nome de Bueno Brandão, que foi um político muito influente na época.

Neste dia demos muita sorte pois uma Congada estava passando e chamando os fiéis para os festejos de São Benedito. Para quem não sabe o que é uma Congada é uma festa religiosa afro brasileira, muito difundida em Minas Gerais e pelo interior do Brasil.

Conhecida a igreja e a histórias da cidade fomos conhecer o mirante, estrada de terra em boas condições, se não estiver chovendo qualquer carro sobe até o topo, com chuva tenho dúvidas. O acesso não é difícil, a saída para o mirante é bem perto do centro, na estrada que segue para Socorro, porém inteiramente de terra, mas com cada paisagem… vale cada balanço do carro…

Chegando no mirante a paisagem é muito bonita, com vista privilegiada para a cidade, lá é um silencio absoluto, paz e sossego de mãos dadas. É parar, e apreciar….

De lá partimos para mais um ponto turístico muito legal de Bueno Brandão, a vista é a mesma do mirante, mas de outro angulo. Vale a pena conhecer porque o caminho também é bonito. A estrada para o morro do Cristo é fácil de encontrar, de terra também, mas bem melhor do que o anterior do mirante.

Visto mirante, fomos em busca da pedra fria….. mas isto fica para o próximo post… até lá.

 

 

 

 

Deixe um comentário!